Serviços religiosos regulares no Grande Templo:

Foram retomados os serviços religiosos regulares no Grande Templo. 

A comunidade está convidada para participar de nossas atividades.

Associe-se ao Grande Templo e ajude a manter vivo esse espaço de memória e espiritualidade!

Lembramos a todos da existência de um estacionamento rotativo na Rua Tenente Possolo, 15

Próximo Cabalat Shabat: 8 de novembro, 19h

Oficiante Silvio Harburger

Ma Tovu - Eduardo Kleiman, Liliana Kleiman, Alejandro Dubesarsky, Carolina Bejar, Guilhermo Vega, Hernan Amarillo
00:00 / 00:00

Ma Tovu é  uma prece que tradicionalmente abre os serviços sinagogais. Expressa reverência por esses lugares de adoração. Inicia com a benção de Balaam, em Números, 24:5. e continua com passagens dos salmos:

מַה טֹּבוּ אֹהָלֶיךָ, יַעֲקֹב; מִשְׁכְּנֹתֶיךָ, יִשְׂרָאֵל

וַאֲנִי בְּרב חַסְדְּךָ אָבא בֵיתֶךָ אֶשְׁתַּחֲוֶה אֶל הֵיכַל קָדְשְׁךָ בְּיִרְאָתֶךָ

ה׳ אָהַבְתִּי מְעון בֵּיתֶךָ וּמְקום מִשְׁכַּן כְּבודֶךָ

וַאֲנִי אֶשְׁתַּחֲוֶה וְאֶכְרָעָה אֶבְרְכָה לִפְנֵי ה׳ עשִׂי

וַאֲנִי תְפִלָּתִי לְךָ ה׳ עֵת רָצוֹן אֱלֹהִים בְּרָב חַסְדֶּךָ עֲנֵנִי בֶּאֱמֶת יִשְׁעֶךָ

Quão formosas são as tuas tendas, ó Jacó, as tuas moradas, ó Israel! (Nm 24:5)

Quanto a mim, por teu grande amor entro em sua casa, eu me prostro em teu sagrado templo, cheio de temor (Sl 5:8)

Senhor, eu amo a beleza de tua casa e o lugar onde tua glória habita (Sl  26:8)

Venham! Prostremo-nos e inclinemo-nos, ajoelhemo-nos diante do Senhor! (Sl 95:6)

Mas, quanto a mim, minha prece é para Ti, Senhor, num momento oportuno. Oh Senhor, na abundância de Tua benevolência, responde-me com a verdade da Tua salvação. (Sl 69:14)

O Grande Templo
Fundação
Serviços Religiosos

O Grande Templo Israelita do Rio de Janeiro é uma das mais belas sinagogas da cidade. A primeira construída especificamente para esse fim.

O projeto, de 1928, foi elaborado pelo arquiteto italiano não-judeu, Mario Vodret, que venceu um concurso organizado pela comunidade judaica do Rio.

O arquiteto teria se inspirado na Grande Sinagoga de Trieste e o projeto guarda alguma semelhança com a Grande Sinagoga de Florença.

O projeto original foi ainda adaptado pelo arquiteto judeu, igualmente italiano, Guido Levy.

A arquitetura é solene e monumental. São expressivas as pinturas evocativas de cenas bíblicas e conta com um lindo painel de mosaico, que emoldura o Aron Hakodesh.

A inauguração desse prédio maravilhoso ocorreu em 1932.

A maior parte da comunidade judaica carioca residia então nas proximidades, a Praça Onze. E dedicou-se intensamente para que essa construção fosse finalizada.

O Grande Templo é expressão maior da identidade histórica da comunidade judaica carioca e brasileira.

Núcleo espiritual e obra extraordinária dos primeiros judeus que se instalaram no Rio de Janeiro.

Patrimônio maior do povo judeu. 

Hoje, no Grande Templo, são realizadas, todo ano,  as principais cerimônias religiosas judaicas.

A celebração do Ano Novo, Rosh Ha Shaná, e as cerimônias do Dia do Perdão, o Yom Kippur, são eventos que reúnem, no Templo, parcelas expressivas da comunidade judaica do Rio de Janeiro. Que a ele comparecem atraídas pela sua espiritualidade, beleza e história.

O Grande Templo recebe ainda casamentos e cerimônias de Bar-Mitzva.

Um grupo de ativistas vem se esforçando para recuperar em plenitude suas atividades religiosas regulares. E revitalizar sua vida comunitária.

 (Revista Vida Doméstica, maio de 1932)

Convite para o lançamento da Pedra Fundamental do Grande Templo, em português e em ídiche.

 

Na capa, o desenho original da fachada do Grande Templo, assinado. Pode-se observar alguma diferença com relação ao aspecto atual, principalmente na decoração frontal.  E em alguns outros detalhes.

O Grande Templo sofreu, ao longo dos anos,  algumas modificações de menor relevância, que se impunham na medida em que a obra ia sendo concluída.. 

A preservação dessa grandiosa e histórica obra é possível graças ao apoio constante da comunidade.

Contribuir para o seu bom estado, para o funcionamento regular de suas atividades religiosas e comunitárias é um compromisso de todos aqueles que se voltam respeitosos para a memória dos seus ancestrais, para a consideração reverente de seus sonhos e anseios, ainda vivos em seus descendentes, e para os que valorizam o patrimônio cultural e espiritual por eles legado.

O Grande Templo: uma grandiosa obra da comunidade judaica.

È digno de honrosa menção o fato de que, na época de sua fundação, a comunidade judaica da Praça Onze era composta predominantemente por imigrantes muito pobres, em sua maioria recém-chegados, com escassa representatividade social.

Entretanto, com donativos que, muitas vezes, limitava-se a poucas moedas, almejaram construir não uma pequena casa de orações, mas sim um Templo pujante que encarnasse a perenidade da religião judaica, quando já se formavam as trevas do nazismo, e todos nutriam muitas esperanças no futuro do Brasil.

Fachada do Grande Templo Israelita

© 2017 Grande Templo Israelita do Rio de Janeiro

  • facebook-square